jambu.com.br

Certificação LPIC - Linux Professional Institute Certification

O que é o LPI

O Linux Professional Institute - LPI - é uma organização sem fins lucrativos, sediada no Canadá e constituída em 1999 pela comunidade Linux, e, desde então, desenvolve de forma acessível um programa de certificação em sistemas GNU/Linux reconhecido internacionalmente por empresas, empregadores e profissionais de TI.


A certificação LPI está entre as 10 mais procuradas do mundo por profissionais da área de Tecnologia da Informação, segundo o site Certcities.com, especializado no assunto.

Certificar-se é uma forma de atestar conhecimentos profissionais, ou seja, validar a eficiência de alguém em determinado assunto.

A principal vantagem da LPI sobre outras certificações Linux é a neutralidade de distribuição, pois as provas do LPI são baseadas no Linux Standard Base, um conjunto de normas que mantém a compatibilidade entre as diferentes versões e distribuições do sistema operacional. A certificação LPI é, portanto, independente da distribuição.

O LPI é reconhecido como a primeira organização do mundo a defender e ajudar o uso profissional do Linux, Open Source e Free Software. Os exames de certificação do LPI são aplicados em milhares de lugares no mundo, em vários idiomas e com o apoio de empresários, fabricantes e instrutores.

O programa de exames do LPI é aplicado mundialmente por intermédio da Pearson VUE e da Thomson Prometric em seus centros de certificação e está também disponível na forma de exames tradicionais, aplicados em papel.

Visite o site do LPI Mundial em: www.lpi.org

Por que se certificar

A certificação é algo muito comum entre os profissionais de informática. É uma das maneiras que os fabricantes de hardware e software encontraram para medir o quanto um profissional conhece de determinado assunto. A certificação profissional é muito usada pela área de recursos humanos das empresas na escolha de profissionais em processos seletivos.


Fazendo uma analogia, dizer que se é certificado em uma tecnologia é o equivalente a obter uma carteira de motorista: você tem o conhecimento aprovado e comprovado por uma instituição que atesta que você tem as aptidões necessárias para dirigir. A certificação profissional é uma forma rápida e de custo acessível para um profissional se formar ou mesmo se reciclar e valorizar o seu curriculum.

Ao certificar-se, o profissional tem condições de obter melhores salários e melhores oportunidades no mercado de trabalho.

Segundo pesquisa do Institute Data Corporation (IDC) Brasil, as certificações são responsáveis por um acréscimo de 53% nas chances de se conseguir um emprego.

Por que ser um certificado LPI

Há falta de profissionais Linux no mercado de trabalho, pois o Linux cresce em uma grande velocidade.


A certificação LPI está entre as 10 mais procuradas do mundo por profissionais da área de Tecnologia da Informação, segundo o site especializado no assunto www.certcities.com.


A certificação LPI é reconhecida mundialmente como garantia do conhecimento de um profissional em Linux.


Ela é independente de distribuição: as provas do LPI são baseadas no Linux Standard Base.


O LPI estabeleceu-se como uma organização internacional sem fins lucrativos, em 1999, pela comunidade Linux, e desde então, desenvolve de forma acessível a todos um programa de certificação reconhecido internacionalmente por empresas, empregadores e profissionais de TI.


"A experiência é insubstituível, mas como o mercado está cada vez mais exigente, um certificado pode ser decisivo na escolha de um talento". Leia o artigo completo, "Prática certificada", escrito por Bruno Gomes Pessanha para a revista Linux Magazine.

Estrutura do LPI

Veja como o LPI está organizado mundialmente e qual o papel de cada membro:

LPI Inc. (LPI Mundial), localizado em Toronto, no Canadá:

Nomeia Master Afiliados e Area Operations Managers (AOM);
Gera novas provas e as disponibiliza eletronicamente ou em papel;
Divulga o LPI mundialmente;
Firma parcerias e procura patrocinadores;
Corrige as provas em papel;
Emite certificados.

Area Operations Manager (AOM):

É o LPI em uma região, com todas as suas responsabilidades, direitos e obrigações;
Mantém um banco de dados de proctors (aplicadores) disponíveis para ser usado pelas afiliadas.
Quando necessário, credencia novos proctors, seguindo regras definidas pelo LPI Inc.;
Define, em conjunto com as afiliadas e LATPs, campanhas promocionais de vendas de provas e obtenção de patrocínios.

Master Afiliadas:

Credencia as afiliadas;
Mantém relação contratual com o LPI Inc.;
Define diretrizes e metas para as afiliadas;
Mantém um banco de dados de proctors disponíveis para ser usado pelas afiliadas;
Quando necessário, credencia novos proctors seguindo regras definidas pelo Canadá;
Controla as provas que vêm e vão para o Canadá para correção;
Controla as provas que vêm e vão para os Proctors;
Define e cria campanhas promocionais de vendas de provas.

Afiliada :

Organiza provas dentro de suas instalações seguindo as mesmas regras comerciais dos LATPs;
Organiza as provas dentro dos LATPs;
Credencia e descredencia LATPs;
Organiza a logística de inscrições das provas;
Mantém o web-site do LPI em sua região;
Mantém atendente para tirar dúvidas relativas às provas;
Cria o calendário anual de provas em sua região;

LPI Approved Training Partner (LATP)

O LPI Mundial nomeia em alguns países parceiros de treinamento chamados LATP - LPI Approved Training Partner. Os LATPs são centros de treinamentos que seguem em seus cursos o conteúdo da certificação LPI e seus instrutores são certificados LPI no nível dos cursos que ministram.


A Jambu Tecnologia é a primeira e única LATP e Proctor no Pará, veja no site da LPI.org.

Proctors:

Têm a autorização do LPI Inc. para aplicar provas;
Sugerem melhorias para as provas.

Todos os membros acima:
Trabalham no ecossistema do Linux para promover o sistema operacional e as certificações LPI;
Criam no mercado um ambiente motivador para os profissionais se certificarem.

Provas e conteúdos

O LPI acredita na necessidade de um programa padronizado, internacional e respeitado para certificar os níveis de habilidades individuais em Linux. O programa de provas atende as exigências dos profissionais e empregadores Linux.


A certificação LPI é composta de dois níveis e para cada um deles o candidato tem que fazer duas provas:


Certificação LPIC - 1 (Nível I) - Administrador Linux nível júnior
Provas: 101 e 102
Para obter o nível 1, o aluno tem que passar nas 2 provas. Não adianta passar na prova 102 e não passar na prova 101.

Certificação LPIC - 2 (Nível II) - Administrador Linux nível pleno
Provas: 201 e 202
Para obter o nível 2, o aluno tem que passar nas 2 provas. Não adianta passar na prova 202 e não passar na prova 201.

Certificação LPIC - 3 (Nível III) - Administrador Linux nível sênior
As provas 301 e 302 estão sendo aplicadas regularmente desde janeiro de 2007. A prova 301 qualifica o profissional como "Core". E as provas de 302 a 306 o certificam como especialista em determinadas áreas.
Para obter o nível 3, o aluno não precisa passar nas 2 provas. Passando na 301 ele certifica-se como nível 3 e, nas demais provas, como especialista.

As provas do nível I (101 e 102) têm 70 e 73 questões, respectivamente. O tempo de realização de cada uma das provas é de 90 minutos.

Provas

Onde fazer

No Brasil existem duas formas de realizar as provas para a Certificação LPI:

Provas em papel (PBT - Paper Based Tests)

As provas em papel são parecidas com exames de vestibular e concursos. Elas são frequentemente realizadas em eventos de software livre, onde há uma grande concentração de interessados em se certificar. Além disso, as provas em papel são aplicadas em cidades onde há dificuldades de se obter um centro VUE ou Prometric para fazer a prova eletrônica (CBT).


As provas em papel aplicadas no Brasil são geradas e corrigidas pelo LPI Mundial, no Canadá. Os aplicadores de provas - conhecidos como Proctors - são certificados pelo LPI Mundial.


O resultado da prova em papel (PBT) é enviado por e-mail pelo LPI Mundial. São dois e-mails: um informando se o candidato foi ou não aprovado e outro com a sua pontuação. O tempo de entrega da nota é de 3 a 6 semanas.


Existe um calendário oficial com as datas e locais de realização das provas em papel.

OBS: O Nível 1 (provas 101 e 102) e nível 2 (201 e 202) já estão disponíveis em português, na versão em papel. Já as provas do nível 3 (301, 302, etc.) também são aplicadas em papel, mas na língua inglesa.

Provas eletrônicas (CBT - Computer Based Tests)

Além das provas em papel, os interessados também podem fazer provas eletrônicas nos centros de testes do Thomson Prometric e o VUE e podem ser realizadas em qualquer horário e local agendados pelo candidato.

Exemplo do e-mail de aprovação:

--- Linux Professional Institute
escreveu:
De: Linux Professional Institute
Para: Seu Nome
Assunto: LPI Exam Loaded - Reg. Id. ???????
Data: Sun, 16 Jan 2010 18:08:00 -0500 (EST)
Dear Seu Nome
LPI ID: LPI??????
Registration Id: ??????
Congratulations on passing the LPI exam 101.
You must now complete the Level 1 certification by passing exam 102.
Please ensure your address is correct by checking your members account;
https://www.lpi.org/en/members/index.html
Thank-you for taking the LPI certification exams. If you have any comments, please contact us at 
 Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
 
Please support LPI by participating in their mailing lists; http://www.lpi.org/en/maillists.html
Seu Nome
Linux User:#????????
Linux Machine:????????


Após este período, caso não tenha recebido o resultado, entre em contato, enviando seus dados pessoais, local e data da prova e também o seu LPI ID.

LPI ID

LPI ID (Linux Professional Institute Identification) é o seu número de identificação dentro do sistema do LPI. Ele é usado toda vez que o profissional for prestar uma prova ou sempre que precisar entrar em contato com o LPI.
O LPI ID é obrigatório e sem ele você não realiza a prova. O LPI ID funciona como o RG de cada pessoa, no LPI. É por meio dele que os resultados e os certificados serão entregues.
Obtenha seu LPI ID em: https://www.lpi.org/register.html
É importante manter seu cadastro no site www.lpi.org sempre atualizado. Utilize o mesmo LPI ID para realizar todas as suas provas - você só precisa de um único LPI ID.

Ao realizar a prova, seja em papel ou a eletrônica, caso o aluno obtenha a nota necessária para a certificação ele recebe, pelo correio, uma carteirinha e um diploma. Quando for certificado LPIC, poderá também deixar que outras pessoas comprovem sua certificação, basta acessar a página de verificação, informando seu LPI ID e seu código de verificação.

Como se preparar

Há diversas formas de se preparar. Você pode realizar um curso preparatório na Jambu Tecnologia, fazer simulados disponíveis na internet, ou nos programas pré-prova da Jambu, com resultados comentados, consultar livros ou pesquisar e aprender por meio de how-to. O LPI não exige nenhum tipo específico de preparação, o candidato é livre para escolher aquela de sua preferência.
Alguns profissionais são autodidatas e preferem o autoestudo. Outros, julgam que realizar um treinamento seja mais adequado, devido ao direcionamento dado pelo instrutor e a troca de conhecimento entre os alunos na sala de aula. A decisão é do candidato.

Pagamento

O pagamento das provas na JambuTec é feito à vista, porém efetuado com pelo menos 20 dias de antecedência da data prevista (agendada) para a realização das provas.

Mais informações, entre em contato conosco:

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. - (91) 3224-5440